Parasect

Saudações visitantes!

Chegamos ao final de mais um ano e essa, talvez será a última postagem desse mês. O desenho que vêm a seguir não só é um estudo, como a concretização da união entre as técnicas de guache que uso com o acréscimo dos lápis de cor profissional Prismacolor. Para quem não conhece, esse é o Pokémon Parasect, ele é uma espécie de inseto cogumelo.



Foi uma ótima experiência, uso os lápis de cor tanto para pigmentar algumas áreas, quanto para trabalhar as sombras e as luzes. Os lápis da Prismacolor claros, têm boa opacidade, por isso posso usá-los para criar luzes. Mas os escuros, preciso usar com cuidado, eles têm muito pigmento e podem estragar a pintura facilmente.


Depois de usar os lápis de cor com guache, gostei tanto  do resultado que resolvi tornar tanto o material, quanto a técnica, meus novos padrões de pintura. Por isso, investi um pouco e acabei acrescentando outros lápis profissionais ao "time", três Faber Castell Polychromos. Mantive a mesma linha de lápis, os de cera. Já possuo outros três lápis profissionais da linha Caran D'Ache Supracolor, mas são aquareláveis, por isso, uso eles antes, com o guache. Os lápis de cera, são usados apenas na finalização, por que a cera aceita que eu aplique outras camadas de guache sobre ela sem diluir.

Espero que o novo ano traga boas novas para todo mundo, se for para levar em conta o cenário político do país, não vejo nada bom nesse futuro. Mas como a estrada continua mesmo se você não quiser andar, o jeito é continuar caminhando, ou se arrastando se for necessário.

Se não voltar ao blog até o fim do ano, desejo boas festas para todos vocês e espero vê-los aqui no ano que vem.

Abraços!

Comentários

Postagens mais visitadas