Severus Snape

Saudações visitantes!

Depois do Coringa do Joaquin Phoenix, estava ansioso para testar se havia aprendido algo novo com a execução daquela pintura Nessa postagem, vocês poderão confirmar se sim ou não.

Faz um século que queria desenhar o Snape, personagem do universo de Harry Potter, representado pelo ator Alan Rickman, que, infelizmente, faleceu recentemente. Essa pintura nunca foi realizada, por que eu não tinha conhecimento suficiente para isso. Na época da morte do ator, queria muito ter feito uma fanart do personagem icônico para homenageia-lo, mas não foi possível. Como a oportunidade surgiu, resolvi não desperdiçar.

O Snape é muito importante para a história do personagem principal e apesar de passarmos por todos os livros, odiando-o cada vez mais, no último, percebemos quão importante ele foi. Quando li os livros e posteriormente, vi os filmes, pensei, esse cara é foda. É um porre, mas é foda. Então nada mais justo que essa singela homenagem.


Quando comecei a pintar o esboço, percebi que somente realizar a pintura não teria graça. Então mergulhei no personagem e resolvi representar, através das cores, todo o sofrimento que ele carrega dentro de si, todo rancor e dor. E tudo o que isso proporciona á historia. Quem leu o livro, sabe do que estou falando, quem não leu, vá ler.

Mantive o tom de pele dele, levemente rosado, mas quase tão branco quanto a neve, mas as sombras e a luz, são frias. Usei dois tons de azul para construir as sombras, um médio e um quase preto.

Tudo nessa pintura está frio e desbotado, quase sem vida. Mas deixei algumas tonalidades quentes na pintura, novamente, para representar toda a carga emocional de ele esconde atrás da máscara que representa para todos.

Espero que tenham gostado do resultado, essa pintura é um reflexo dos ensinamentos do Davi Calil. Vou criar uma área no meu portfólio reservada para esses estudos, estudos de pintura de rosto.

Quanto aos materiais, usei basicamente guache da Talens, mas nas áreas de preto intenso, usei marcador Posca preto PC 5M (estou quase comprando a PC 8k). O preto desse marcador é mais escuro que o da Talens, então sempre que preciso de uma área de preto intenso, uso a caneta Posca para obter esse resultado. Desta forma, consigo obter contraste entre tons muito escuros. Também usei lápis de cor da Prismacolor para reforçar alguns detalhes, mas isto, é assunto para outra postagem.

O papel do sketchbook tem apenas 100g e é levemente texturizado e por incrível que pareça, suporta  guache. Fica enrugado, mas não fura. Para garantir isso, trabalho com uma técnica mais seca e estou sempre observando se ele aguenta mais pinceladas ou se precisa secar antes.

Principais materiais utilizados:

  • Suporte: Canson ArtBook One A5.
  • Material: Guache Talens, Posca P5M


Desde já, agradeço pela visita. Abraços e até breve.

Comentários

Postagens mais visitadas